Top

Aproveitamento integral dos alimentos

Aproveitamento integral dos alimentos

O desperdício é um problema encontrado em todas as etapas de produção e distribuição de alimentos. O desconhecimento dos princípios nutritivos do alimento, bem como o seu não aproveitamento, ocasiona o desperdício de toneladas de recursos alimentares. A alimentação integral possui como princípio básico a diversidade de alimentos e a complementação de refeições, com o objetivo de reduzir o custo e o desperdício. Atualmente, torna-se cada vez mais difícil adquirir alimentos adequados ao consumo do dia-a-dia, razão pela qual a alimentação equilibrada é uma das maiores preocupações do nosso cotidiano. Diante disso, devemos aproveitar tudo que o alimento pode nos oferecer como fonte de nutrientes.

Estudos mostram que o ser humano necessita de uma alimentação rica em nutrientes, e que pode ser alcançada com partes dos alimentos que normalmente são desprezadas. As perdas não ocorrem somente em plantações, transporte e armazenamento inadequado, mas também no preparo incorreto dos alimentos. Os alimentos que podem ser aproveitados integralmente são:

– Folhas de: cenoura, beterraba, batata doce, nabo, couve-flor, abóbora, mostarda, rabanete;

– Cascas de: batatas (todas), banana, tangerina, laranja, mamão, pepino, maçã, abacaxi, berinjela, beterraba, melão, maracujá, goiaba, manga, abóbora;

– Talos de: couve-flor, brócolis, beterraba;

– Entrecascas de: melancia, maracujá;

– Sementes de: abóbora, melão, jaca;

– Pão amanhecido.

– Sobras de alimentos, por exemplo, o arroz (bolinho de arroz é uma delícia!)

 

Sem Comentários

Postar um comentário