Top

Operação Carne Fraca

Operação Carne Fraca

Desde a última sexta-feira (17/03) tem se falado sobre a operação Carne Fraca e a polêmica que gira em torno do comércio de produtos cárneos em más condições e impróprios para o consumo. Essa operação é destinada ao combate contra a venda ilegal de carnes no Brasil que, recentemente revelou a rede de corrupção formada por empresários de agronegócios e fiscais federais da vigilância sanitária, a fim de facilitar a comercialização de carnes adulteradas em diferentes formas, como acréscimo de água para aumentar o peso do produto, troca de etiquetas de validade e presença de carcaças e cartilagens proibidas. E claro, aumentou-se a preocupação quanto aos produtos que consumimos estar nessas condições! Não é pra menos, a situação é revoltante! Mas calma, não podemos generalizar. Existem maneiras de você saber a qualidade do alimento que irá consumir, veja:

– Carne vermelha: quando estragada, apresenta coloração esverdeada e amarronzada, com odor muito característico, sabor ruim e textura pegajosa.

– Frango: sua coloração não fica muito diferente, mas o segredo está na textura! Esfarela rapidamente, tendendo a ficar frouxa e pegajosa. Lembre-se, o frango tem que estar firme e duro quando cru!

– Embutidos: esses produtos devem ser consumidos em exceções! Também apresentam mudanças na textura e cor, quando estragados! Se quiser consumi-los, prefira os artesanais que não são acrescidos de substâncias prejudiciais à saúde, e sempre em eventuais situações!

As carnes são conhecidas por nos fornecer as proteínas em quantidades adequadas. Mas você precisa saber que existem alimentos de origem vegetal que também nos contemplam com esses nutrientes! Por isso, repense na quantidade que vem consumindo e aproveite para enriquecer sua alimentação com cereais (quinoa, chia), leguminosas (feijão, lentilha, soja, ervilha) e oleaginosas (castanha, amêndoas, nozes, pistache)! Vamos agir com consciência e sem extremismos!

Sem Comentários

Postar um comentário